Desenvolvimento de projetos de P&D em parceria com fornecedores e/ou clientes, compartilhando recursos para o alcance de um resultado que interesse a ambos

7.2.3 P&D em parceria com a cadeia de suprimentos

Como executar

Descubra Mais

Veja como a Procter & Gamble alavancou os resultados de P&D e Inovação

hbr.org

Assista ao vídeo de Henry Chesbrough falando sobre Inovação Aberta:

  • Identificar oportunidades de parceria com os fornecedores, clientes e parceiros para o desenvolvimento de inovações.

  • Entender os interesses e as possíveis contribuições de cada uma das partes.

  • Negociar o formato da parceria, incluindo:

    • Escopo da parceria: atividades envolvidas, produtos esperados e duração;

    • Responsabilidade das partes e forma de compartilhamento de recursos;

    • Direitos de propriedade sobre os resultados;

    • Mecanismos legais para a formalização da parceria.

  • Formalizar a parceria.

  • Detalhar um plano de trabalho a partir do formato definido.

  • Executar e acompanhar o plano de trabalho.

Resultados e Benefícios

A realização de P&D em parceria com a cadeia de suprimentos incorpora, aos projetos de inovação, parceiros com recursos específicos e complementares aos da organização. Isso permite:

  • Aumentar as chances de sucesso do desenvolvimento da inovação a partir do uso de um conjunto de recursos mais completo.

  • Compartilhar os riscos e os custos do processo de desenvolvimento de uma inovação.

  • Criar produtos e serviços com maior diferencial competitivo.

Onde é aplicada

A realização de P&D em parceria com a cadeia de suprimentos é aplicável a organizações de qualquer porte que atuem com desenvolvimento tecnológico.

Dicas úteis

01

As parcerias de P&D podem envolver diversos arranjos, tais como:

02

03

O domínio de algumas capacitações permite à empresa maior sucesso nesse tipo de parceria. Essas capacitações incluem, por exemplo:

  • Contrato de licenciamento: cessão dos direitos de uso de um ativo de propriedade intelectual em troca de remuneração;

  • Outsourcing: contratação de um serviço específico dentro do processo de P&D junto à outra empresa;

  • Aquisição minoritária: compra de participação inferior a 50% do capital de uma empresa, buscando acesso à informações estratégicas e controle direto, indireto ou compartilhado sobre a companhia adquirida;

  • Consórcio: união temporária entre empresas a fim de realizar um empreendimento em que são aproveitadas as competências de cada organização, bem como a capacidade ampliada pela parceria;

  • Joint venture: criação de um novo negócio a partir de acordo formal entre duas ou mais organizações, explorando as competências de cada uma das participantes para benefício comum.

É importante que seja criado um ambiente em que os funcionários da organização envolvidos no processo de P&D se sintam à vontade para compartilhar conhecimento e informações com os funcionários do parceiro. Isso pode ser feito, por exemplo, com o estabelecimento claro dos direitos de propriedade sobre os resultados da atividade ou com a assinatura de acordos de sigilo, entre outros.

  • Visão de gestão de qualidade ao longo de toda a cadeia de suprimentos;

  • Análise de produtos e processos de fornecedores e desenvolvimento de suas capacitações;

  • Influência suficiente na cadeia para orquestrar uma ação conjunta de diversos fornecedores.

A seleção de parceiros deve levar em consideração questões técnicas relacionadas aos projetos, como capacidade instalada da organização e aspectos de logística. Além disso, devem ser considerados também critérios mais subjetivos, como por exemplo, a cultura da organização e as pessoas que atuarão no projeto.

04

Antes da formalização de uma parceria, pode ser interessante avaliar o parceiro, considerando aspectos como:

  • O parceiro possui competência técnica para executar do projeto?

  • Sua capacidade instalada é suficiente para atender a demanda potencial?

  • A integração logística da parceria é adequada?

  • O grau de abertura da organização é compatível com o grau de novidade do projeto a ser desenvolvido?

  • O momento pelo qual o parceiro potencial está passando é propício para o desenvolvimento desse tipo de colaboração?

  • Existe um canal de relacionamento adequado para o desenvolvimento da parceria?

05

Nível

​Intermediário

É essencial que se garanta o sigilo das informações pela Assinatura de Acordos de Confidencialidade em Projetos em Parceria.

Ideias para a realização de P&D em Parceria com Fornecedor podem surgir da participação em Workshops para Discussão de Parcerias Estratégicas ou pela Discussão de Ideias a partir das Ofertas de Fornecedores.

O Plano de Desenvolvimento Tecnológico pode trazer informações importantes sobre quais projetos de P&D devem ou não ser realizados em parceria com fornecedores.

Relacionamento com outras Práticas