Método visual para planejamento tecnológico de longo prazo que integra diversas dimensões, incluindo tecnologia, mercado e negócio.

1.2.4 Technology Roadmapping

Como executar

Ouça um podcast sobre como o Technology Roadmapping foi utilizado por uma startup, em parceria com a Universidade de Cambridge, para o planejamento de uma tecnologia transformadora

Veja como a NASA constrói o seu Planejamento Estratégico Tecnológico com horizonte de 20 anos usando o Technology Roadmapping

Sugestão de leitura para aprofundamento do conhecimento em Technology Roadmapping

Descubra Mais

Resultados e Benefícios

O Technology Roadmapping permite envolver um grande conjunto de especialistas na construção de um mapa visual que integre as múltiplas dimensões relevantes para a inovação tecnológica dentro de um tema previamente delimitado. Isso traz:

Onde é aplicada

O Technology Roadmapping é recomendável a organizações de qualquer porte em indústrias cujas atividades de P&D demandam investimentos significativos e planejamento de longo prazo como, por exemplo, energia, farmacêutica, biotecnologia, e petróleo e gás.

Dicas úteis

Os roadmaps podem ser construídos em diferentes níveis de agregação. Por exemplo:

01

As dimensões comumente usadas no são:

02

03

A coleta de informações prévias para preenchimento do pode ser realizada, por exemplo, a partir das seguintes fontes:

04

  • Delimitar o escopo do planejamento. Este pode ser tão específico quanto uma linha de produtos de uma empresa ou tão abrangente quanto um setor industrial transnacional.

  • Definir a arquitetura do que inclui:

    • O horizonte de tempo do planejamento (eixo horizontal), definindo o que será considerado como curto, médio e longo prazo;

    • As perspectivas do (eixo vertical), definindo as dimensões a serem discutidas no planejamento (vide Dicas Úteis).

  • Mapear as partes interessadas (stakeholders), incluindo os usuários finais do roadmap e os especialistas internos e externos a serem consultados.

  • Coletar informações prévias que sirvam como insumo para preenchimento do roadmap.

  • Planejar uma agenda de oficinas de trabalho junto aos especialistas mapeados para construção do roadmap.

  • Realizar oficinas de trabalho para debate e construção do roadmap.

  • Consolidar os resultados e validar o roadmap.

  • Aprendizado profundo para todos os profissionais participantes da construção do roadmap.

  • Melhor coordenação dos atores envolvidos na concretização desta visão de futuro.

  • Uma comunicação mais clara da visão de futuro para as partes interessadas.

  • Uma estrutura de informações que favoreça a assertividade no processo de tomada de decisão.

  • Uma empresa pode desenvolver um Technology Roadmap com o objetivo de planejar a evolução de uma linha de negócios específica.

  • É possível que a organização se junte com fornecedores e clientes para construir roadmaps tecnológicos no nível da cadeia de suprimentos, favorecendo o entendimento dos objetivos da rede e a coordenação de iniciativas de inovação;

  • Roadmaps podem ser usados como ferramentas para desenho de políticas para todo um setor industrial nacional;

  • Mercado, podendo ser subdividida em segmentos de mercado, tendências sociais, mudanças regulatórias, etc.

  • Produto/Serviço, que pode ser subdividida em famílias de produto, funcionalidades, componentes, dimensões de desempenho, etc.

  • Recursos, que pode ser subdividida em tecnologia, infraestrutura, competências organizacionais, conhecimentos técnicos, parcerias, etc.

  • Revisão bibliográfica de livros, artigos, sites especializados e revistas;

  • Revisão do banco de patentes;

  • Reuniões com especialistas internos e/ou externos.

Para que um roadmap mais complexo seja construído com o cuidado necessário, pode ser interessante dividi-lo em submapas que abordem partes específicas do mapa completo. Cada um desses submapas pode, portanto, ser discutido separadamente.

As oficinas para construção do roadmap podem ter durações diversas e envolver um número variado de agentes – idealmente o número de participantes não deve ser superior a 30. A decisão sobre o arranjo das oficinas deve ser tomada em função do grau de detalhamento pretendido para o roadmap.

05

É interessante convidar pessoas de diferentes áreas da organização e especialistas externos para as oficinas de construção, garantindo assim que diferentes pontos de vista sejam considerados.

06

  • É essencial que haja uma definição e comunicação clara dos objetivos e das dimensões de análise no início do processo para garantir que os participantes entendam corretamente como devem contribuir.

Usualmente os roadmaps são construídos com a utilização de ferramentas visuais como folhas A0 e post-its. Outros meios, no entanto, podem ser utilizados para acompanhamento e atualização das informações, como planilhas eletrônicas.

07

Para assegurar o acompanhamento do plano, devem ser definidos periódicos, considerando o estágio de maturidade e nível de criticidade de cada tema.

08

O Technology Roadmapping é uma ferramenta poderosa para a elaboração de Planos de Desenvolvimento Tecnológico, cujas informações geradas podem ser utilizadas como insumo para a Consolidação e Gestão do Portfólio de Inovação, e a Definição de Carteiras Estratégicas.

Relacionamento com outras Práticas

Nível

Avançado​